Translate

Pesquisar este blog

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Cascata de pedras em lago artificial.


Colocar um filtro nesta caixa plástica,o retorno da água vem do lago e sairá limpa novamente.



Verificar o nível de cada queda d'água para estarem certas,


Antes de arrumar as placas de pedra, colocar a manta de bidim dupla e o plástico desde o filtro e decorar com pedras menores cuidando para que não haja perda de água nas laterais, nem em qualquer outro local.


Agora só ligar a bomba, plantar no entorno e curtir seu espaço zen.

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Agricultura urbana. Uma alegria!




A vida na cidade trás suas comodidades, mas não é raro encontrarmos pessoas que tem gosto pela natureza e pelo rural em meio aos prédios, poluição e estresse. O plantio de hortaliças, seja no quintal de casa, terrenos baldios, sacadas, ou nas lajes vegetalizadas, vai de encontro com a demanda por alimentos seguros e espaços de recreação para os  habitantes dos ambientes urbanos e tem impulsionado a chamada agricultura urbana. Nos encantamos com a ideia de produzir belos tomates, verduras fresquinhas ou podermos colher temperos para o dia-a-dia, mas normalmente não é isso que acontece, são mudinhas que não crescem, ou alguma praga atacando nossas verduras, ou doenças que acabam por matar ou deixar as plantas feias.
Alguns chamam o sucesso de uma horta doméstica como “ter mãos boas”, mas na verdade trata-se da sensibilidade de cada um, ao observar os sinais que a terra e as planta nos dão, e tomar as medidas necessárias, sendo desenvolvida durante o contato com a agricultura. Graças à ciência e a técnica, é possível orientar os iniciantes dessa prática, a partir de pequenas dicas e conhecimentos básicos. São cuidados e detalhes que devem ser observados, como o local de plantio, o tipo de solo, o preparo dos canteiros, as regas, a escolha das espécies e quando plantar cada uma, além de outras questões.
Quando você for começar a sua horta, atente ao clima da sua região. A incidência de chuvas influenciará diretamente na frequência de regas da sua horta, e as temperaturas poderão permitir ou não o cultivo de certas espécies. Se nos focarmos apenas na sua área, a luminosidade do local onde você implantará a sua horta deverá ser levada em conta. A grande maioria das hortaliças são plantas de sol pleno. Precisam de pelo menos quatro horas de sol direto por dia para um crescimento satisfatório. Para notar se falta sol para as suas hortaliças basta observar se as mesmas estão com tom verde muito claro, aspecto frágil, estiolamento, baixa resistência à doenças ou apresentam mudanças no sabor, ficando sem gosto.
Além da luz do sol, o solo deve ser observado. Quando o cultivo é em vasos ou outros recipientes, é mais fácil controlar essa variável, pois podemos comprar substratos já preparados para cultivo de hortaliças, porém no quintal de casa ou em terrenos baldios, são necessárias adubações e calagem para corrigir a fertilidade.


Cada dia descobrimos mais alegria com esta experiência, além da vida saudável que proporciona, o bem estar de conexão com a mãe terra.